quarta-feira, 2 de março de 2011

THE CHALLENGE FROM CTHULHU CHICK

by Arthur Ferreira Jr.'.



And then, from the top of the gambrel, we saw it. That singularly hideous thing, mentioned in the immemorial Pnakotic Manuscripts and the blasphemous Book of Eibon, manifested again, this time as a daemonic iridescence festering at the horizon, which indiscribable stench drove us to an ululating madness in less than one minute. The foetid, amorphous creature was one of the eldritch masks of Nyarlathotep, the decadent and swarthy Messenger from Beyond. From that unnamable veil of macabre effulgence of the Outer, we could feel the abnormal and loathsome influence of Azathoth, Yog-Sothoth and Shub-Niggurath's accursed coupling.
   
    It was something no mortal man could behold; those few who resisted its power and rose from the charnel of their own minds, a nameless and antidiluvian comprehension would struck them like a thunderbolt sent from the gibbous moon. I am now one of those chosen; the others fainted or are dead from their own unutterable self-loathing. Now I am the stygian darkness itself, ruling my own private and shunned hyperdimension, all-seeing in a cyclopean palace at the center of this antique plane, served by the squamous and mutant monsters that, aeons ago, long before the mi-go existed, built the towers of Yuggoth.
   
    Such a pity that my old friends from the Miskatonic Valley have now to deal with my sad, comatose husk. Maybe I visit some night, in dreams, if someone in Kingsport dares again to offer them shelter.




------------------------------- Minha própria tradução para o português:






E então, do topo do telhado, a enxergamos. Aquela coisa singularmente hedionda, mencionada nos imemoriais Manuscritos Pnakóticos e no blasfemo Livro de Eibon, manifestou-se novamente, desta vez como uma iridescência demoníaca infestando o horizonte, cujo fedor indescritível nos levou a uma loucura ululante, em menos de um minuto. A fétida e amorfa criatura era uma das máscaras místicas de Nyarlathotep, o moreno e decadente Mensageiro do Além. Daquele véu inominável de esplendor macabro do Exterior Cósmico, pudemos sentir a influência anormal e repulsiva do acasalamento de Azathoth, Yog-Sothoth e Shub-Niggurath.

    Era algo que nenhum mortal poderia suportar; os poucos que resistem a seu poder e ascendem da câmara mortuária de suas próprias mentes, estes são atingidos como se por um raio vindo da lua gibosa. Eu agora era um desses escolhidos; os outros desmaiaram, ou morreram de um horror impronunciável de si mesmos. Agora eu sou a própria escuridão estígia, governando minha hiperdimensão privativa e reclusa, onisciente num palácio ciclópico no centro deste antigo plano, servido por monstros escamosos e mutantes que, eras atrás, muito antes dos mi-go existiram, construíram as torres de Yuggoth.

    É uma pena que meus velhos amigos do Vale do Miskatonic tenha agora de lidar com meu triste corpo comatoso. Talvez eu os visite alguma noite, em seus sonhos, se alguém em Kingsport ousar vez dar-lhes abrigo mais uma vez.

Um comentário:

  1. http://insanemission2.blogspot.com/2011/10/challenge-from-cthulhu-chick.html

    ResponderExcluir